Pesquisar este blog

Seguidores do Nosso Bloguinho - Mural Blogger

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Fazendo Amigos

Poesia de Margarete Solange
Não entre na briga com uma formiga,
Nem na confusão com o leão,
Mas se com o coelho quiser brincar,
Bom proveito, é só começar!
Corre daqui, corre de lá,
Foge ligeiro, tenta alcançar.
Corre daqui, corre de lá,
Foge ligeiro, tenta alcançar.

Não faça carinho no porco espinho
Nem vá reclamar do cheiro do gambá,
Mas se quer um amigo fiel e limpinho
Adote um cão bem bonitinho.

Late daqui, late de lá,
Põe a coleira, vai passear.
Late daqui, late de lá,
Põe a coleira, vai passear.

Não seja raivoso como o jacaré,
Nem traiçoeiro como o tubarão,
Mas se o gato mansinho quiser imitar
Muitos amigos irá conquistar.

Brinca daqui, brinca de lá
Muitos amigos irá conquistar.
Brinca daqui, brinca de lá
Muitos amigos irá conquistar.

* Musicada pela autora para apresentação de fantoches.  






Fonte: Margarete Solange. 
Inventor de poesia infantil: 
fantoches e poesias
Queima-Bucha, 2010

5 comentários:

  1. Adoro esse poema, é muito divertido quando saimos com a equipe de fantoches e apresentamos ele cantando. D+.

    ResponderExcluir
  2. Já houvi esta música. As crianças gostam muito porque as animam e se divertem. Parabéns!

    ResponderExcluir
  3. Minha música favorita!
    Viram só? Não entre na confusão com o LEON.
    Eu sou o CARA!

    ResponderExcluir
  4. Fantástico. Gosto muito dessa poesia. Eu tenho o livrinho com ela, dai meu filho mais novo gosta tanto que arrancou a página do livro para andar com ela pra tudo que é lugar. Ele anda com ela na bolsa da escola. Em casa se senta com o gato e com a cachorra e vai ler a poesia pros dois amiguinhos, depois olha pra mim e diz, só falta o leão.

    ResponderExcluir
  5. Vc é o CARA!Paz amigo Leon!Eu queria ouvir cantada,deve ser bom D+!Sempre que viajo leio pros meus sobrinhos!Valeu!

    ResponderExcluir