Pesquisar este blog

Seguidores do Nosso Bloguinho - Mural Blogger

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Cachorrinho

poesia infantil de Margarete Solange
.

Cachorrinho, pobrezinho,
Preso por uma coleira,
Assim vive a vida inteira
Latindo inconformado
Esquecido num quintal.
.
Que tristeza um cachorrinho
Viver como um malfeitor:
Dia a dia, noite e dia acorrentado,
Faça chuva, faça sol
Como um preso condenado.
.
Cachorrinho quer brincar,
Quer ter um amiguinho
Correr pelo quintal,
Abanar o seu rabinho
Para receber carinho.



Fonte:  
Margarete Solange. 
Inventor de poesia infantil: 
fantoches e poesias. 
Queima-Bucha, 
2010, p.81
Ilustração de Jorge Davi.
.

10 comentários:

  1. Muito lindinha essa poesia,se cachorro soubesse falar eu ia ensinar a todos para que eles recitassem pros seus donos,eles se comoveriam tenho certeza.

    ResponderExcluir
  2. É tem que soltar o cachorrinho no quintal. concordo com nadijane, se o cachorro falasse ia dizer algo assim pros seus donos: vá lá, me solte, vamos brincar.

    ResponderExcluir
  3. As pessoas compram ou adotam um cachorrinhoe cuidam bem enquanto são filhotinhos, mas qdo crescem muitas vezes esquecem do bichinhoque passa a viver preso no fundo do quintal.

    Viver preso o tempo inteiro é uma forma de mal trato.

    ResponderExcluir
  4. Meu cachorro só quer ser homano, então li essa poesia pra ele ouvir, pra ele vê como ele é um cão feliz, criado com regalias que nem toda criança tem, ele ficou olhando pra mim como se realmente tava entendendo,

    ResponderExcluir
  5. Legal essa mensagem, não só pra criança, mas é uma advertência pra qualquer pessoa que tem cachorro em casa.

    ResponderExcluir
  6. Nessa poesia os versos levam o sentir do cachorrinho, como se ele próprio falasse para reclamar sua tristeza por viver sempre preso, isso sensibiliza o leitor de qualquer idade.

    ResponderExcluir
  7. Adorei essa poesia... Adoro cachorro, e não gosto muito quando ficam presos, e tambem, nao gosto de ver cachorrinho chorando...
    Um cachorro é como um ser humano... é tão lindooo...

    ResponderExcluir
  8. Gostei da poesia. Sendo infantil, tudo bem, se for de adulto, não gosto muito.

    ResponderExcluir
  9. O cachorro não quer ficar preso, quer liberdade.

    ResponderExcluir
  10. É eles não gostam de ficar esquecidos no quintal mais sim de brincar correr pular a vontade , a e eu sou filho de João e tenho 10 anos e faço o 4 ano.

    ResponderExcluir