Pesquisar este blog

Seguidores do Nosso Bloguinho - Mural Blogger

sábado, 7 de agosto de 2010

Poesia - P A I

        .de Margarete Solange
.
Figura admirável.
Homem de feitos tão nobres,
Valor inestimável.
Nome querido,
Pelo mundo inteiro cultivado,
Reconhecido e amado.
Pai... Senhor e servo,
General que comanda com voz de aço
E incansavelmente trabalha para fazer sua tropa feliz.
Por vezes assemelha-te a um rígido professor,
Que impulsionado pelo instinto paternal
Torna-se autor de valiosos sermões.
Cuidadoso e sábio como um simples pastor
Conduz com amor suas preciosas ovelhas.
E no vale escuro, o teu abraço, querido pai,
Espanta o frio e aquieta o medo.
Tu és armadura, escudo e flecha,
Fortaleza na guerra, refúgio seguro em tempos de paz.
Que felicidade é para o filho em qualquer idade,
Em qualquer nação,
Ver tal rosto desde cedo brilhar...
Erguer-se pela manhã, dia a dia como um sol,
Enchendo de luz o seu ser e o seu lar.
Grande vulto, personagem com honra e mérito.
Mencionado como um bravo herói,
Saudado muito mais que um majestoso rei,
Aclamado muito mais que um excelente presidente.
O retrato do pai nem sempre está estampado em livros,
Mas figura com bravura nas páginas de muitos corações.
Entre as personalidades universalmente condecoradas,
A mais importante e amada entre todos os mortais
És tu, PAPAI!

*        *         *



*       *      *
.

Fonte: Margarete Solange. Inventor de Poesia: Versos Líricos.  Queima-Bucha, 2010.
.

10 comentários:

  1. Meu querido, papa, hoje dia dos pais fico muito feliz por tê-lo perto de mim, alguns quilômetros não têm poder de nos separar. Obrigada por tudo, o senhor é muito importante para mim. Homem admirável com morada permanente em meu coração. Está lindo nas fotos, seu Costa. Um grande abraço e muitos beijos da filha que lhe ama muito... Caucho.

    ResponderExcluir
  2. Muito boa meu avô merece! parabéns vovô

    ResponderExcluir
  3. Gente de Deus,fazia tempo que ñ chorava tanto,meu pai é assim como o seu,pena que ñ sei falar tantas coisas bonitas e boas p/ ele.Linda....

    ResponderExcluir
  4. É uma poesia linda que faz uma homenagem a todos os pais. Parabéns para todos os pais e para o meu também!

    ResponderExcluir
  5. E aí, tio Costa, todo estampado na página do blog, hein? Todo bonitão...

    Poesia brilhante. Bem colocada pois fala um pouco de tudo que representa o pai.

    Aproveito para dedicar essa homenagem para todos os pais, em especial, ao pai dos meus filhos e ao meu.

    ResponderExcluir
  6. Muito linda a poesia!
    Reconhecer o valor de um pai nos dias de hoje não é qualquer um que ainda consegue não! Parabéns! ^^

    ResponderExcluir
  7. É isso aí vovozão, sr Costa. O senhor além de bonito é lindo e a poesia também. Feliz dia dos pais pru senhor e para todos os paizões do mundo inteiro.

    ResponderExcluir
  8. É o meu papai. Esse sim é o CARA!

    ResponderExcluir
  9. Sinto muito prazer de ter uma filha como Margarete. Não esperava que um dia uma filha minha chegasse a ser escritora.

    ResponderExcluir